f t g m

Bobo-pequeno encaminhado para a reabilitação

 

 

  

Notícia divulgada dia 25 de novembro de 2016 pelo facebook de Resgate de animais marinhos Univille ave marinha na reabilitação. Leia notícia na íntegra aqui 

 

Na semana do dia 25 de novembro, a Univille encaminhou para o centro de reabilitação da R3 Animal, em Florianópolis, duas aves da mesma espécie (Puffinus puffinus), de nome popular bobo-pequeno. Neste ano a instituição já recolheu 362 bobos das praias de Itapoá, Barra do Sul e São Francisco do Sul, e destes, 343 foram encontrados mortos. Dos 18 vivos, a maioria veio à óbito durante o transporte até a Unidade de Estabilização, e os que chegaram a ser tratados não sobreviveram. Segundo a bióloga e coordenadora do PMP-BS na Univille, Dra. Marta Cremer, isso acontece porque os bobos são aves oceânicas, portanto se eles chegam até a costa já é uma indicação de que estão muito debilitados, e ainda há o agravante destes animais serem sensíveis ao manejo, e ficarem muito estressados com o contato que é necessário para o tratamento. Os dois bobos transferidos para Florianópolis chegaram à Univille em meados de novembro e devem permanecer na R3 até estarem aptos à soltura. O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida dentro do licenciamento ambiental federal do Pólo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

 

Leia mais 

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO PMP-BS

 

Notícia divulgada dia 23 de novembro pelo facebook de Resgate de Animais Marinhos Univille. Leia notícia na íntegra aqui

 

No mês de novembro, o Espaço Ambiental Babitonga (ESAB), recebeu a visita de 375 alunos e professores da região que puderam conhecer um pouco mais sobre a vida marinha, fauna e ecossistema das praias do norte de Santa Catarina. Durante as visitas, os grupos são recebidos com uma palestra que explica o que é o Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), qual o trabalho realizado pela equipe, o que são animais marinhos, quais as diferenças entre as espécies, e qual a importância da conservação do ambiente marinho. Posteriormente, a equipe de biólogos do Espaço acompanha o grupo na visitação ao museu, onde se pode ver animais taxidermizados, moldes de animais e esqueletos, além de seis aquários com espécies da fauna da região e um aquário com invertebrados marinhos, onde os visitantes tem a chance de tocar em animais como o ouriço-do-mar e a estrela-do-mar.

 

Leia mais 

Encontrada tartaruga de couro em Ilha Comprida

 

Notícia divulgada dia 26 de outubro pela fanpage da Fundespa sobre tartaruga de couro encontrada morta em Ilha Comprida. Leia notícia na íntegra aqui 

 

A tartaruga de couro ou gigante (Dermochelys coriacea) é a maior dentre as espécies de tartaruga marinha. Vivem a maior parte de sua vida na região oceânica e podem atingir até 1.000 metros de profundidade. Sua dieta é composta por águas-vivas e outros organismos gelatinosos. Por isso, é bastante comum a ingestão de sacolas plásticas que assemelham-se muito com este tipo de alimento, podendo levá-las a problemas graves de saúde ou até mesmo à sua morte. No Brasil é considerada criticamente ameaçada de extinção.

 

Leia mais

 

 

Muito lixo é encontrado nas praias durante o monitoramento

 

Notícia divulgada dia 23 de ovembro de 2016 pelo facebook da Fundespa sobre lixo encontrado nas praias. Leia notícia na íntegra aqui

 

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) percorre diariamente a faixa costeira que se estende de Laguna/SC a Ubatuba/SP, à procura de mamíferos, tartarugas e aves marinhas, mortos ou debilitados. O objetivo do projeto é avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre estes animais. Esta é uma exigência do licenciamento ambiental federal do Polo Pré-sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama. Durante o monitoramento, são encontrados muitos resíduos que nem sempre são descartados diretamente no mar. O próprio lixo das cidades é levado pelos rios, os quais desaguam no oceano. Assim, a conscientização ambiental, a proteção ao meio ambiente e aos ecossistemas iniciam-se em nossas ações cotidianas: jogar o lixo no lugar certo, separar o material reciclável, diminuir o consumo, utilizar sacolas reutilizáveis, etc.

 

Leia mais

Encontrada Baleia Jubarte morta em Ilha Comprida

 

Notícia divulgada dia 28 de outubro pela fanpage da Fundespa sobre encalhe de baleia jubarte. Leia notícia na íntegra aqui

 

No sábado, 22 de outubro, uma baleia jubarte juvenil macho, de 8 metros de comprimento foi encontrada morta na praia próxima a Pedrinhas, em Ilha Comprida, durante a realização do trabalho do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). O projeto é uma condicionante para exploração e produção de óleo e gás da Petrobras, exigida pelo Ibama. Havia petrecho de pesca preso à nadadeira caudal, peitoral e na boca da baleia. O animal pode ter se enroscado em fragmentos de rede que são descartados no mar e continuam a capturar espécies, a chamada pesca fantasma, ou pode ter sido capturado acidentalmente por uma rede de embarcação pesqueira.

 

Leia mais 

 

 

Copyright -  Programa de Monitoramento de Praias  - 2016 - Todos os direitos reservados